O Último Cais

O ltimo Cais O ltimo Cais um texto envolvente sedutor pela sua aparente simplicidade Pela sua beleza Pela sua for a tecida de pequenas fragilidades de pequenas fragr ncias de pequenas cintila es musicais Maria

  • Title: O Último Cais
  • Author: Helena Marques
  • ISBN: 9789722010610
  • Page: 241
  • Format: Paperback
  • O ltimo Cais um texto envolvente, sedutor, pela sua aparente simplicidade Pela sua beleza Pela sua for a, tecida de pequenas fragilidades, de pequenas fragr ncias de pequenas cintila es musicais Maria Teresa Horta

    • [PDF] ↠ Free Download ☆ O Último Cais : by Helena Marques ↠
      241 Helena Marques
    • thumbnail Title: [PDF] ↠ Free Download ☆ O Último Cais : by Helena Marques ↠
      Posted by:Helena Marques
      Published :2019-08-03T10:13:45+00:00

    About "Helena Marques"

    1. Helena Marques

      De fam lias madeirenses, Helena Marques nasceu em Carcavelos, em 1935 Jornalista durante trinta e seis anos, iniciou a sua carreira no Di rio de Not cias do Funchal e terminou a no Di rio de Not cias de Lisboa, onde foi directora adjunta 1968 1992 Entretanto, foi redactora de v rios outros di rios, nomeadamente A Capital, Rep blica e A Luta.Publicou o seu primeiro livro, O ltimo Cais, em 1992 Muito aclamado, recebeu o Grande Pr mio de Romance e Novela da Associa o Portuguesa de Escritores, o Pr mio Revista Ler C rculo de Leitores, o Pr mio M xima de Revela o, o Pr mio Proc pio de Literatura e o Pr mio Bordallo de Literatura da Casa da Imprensa Seguiram se os romances A Deusa Sentada 1994 , Terceiras Pessoas 1998 e Os bis Vermelhos da Guiana 2002 , e o livro de contos Ilhas Contadas 2007 A sua obra encontra se traduzida em alem o, italiano, castelhano, grego, romeno e b lgaro.O Bazar Alem o 2010 o seu mais recente livro mulheres ps20.ipp Helen

    513 thoughts on “O Último Cais”

    1. Este romance relata a saga do família Vella ou Villa, no Funchal, no século XIX. Mostra o isolamento e confinamento dos habitantes de uma ilha. A notícia só chega com o próximo navio para aqueles que não podem deixar a ilha.O último cais começa com o diário de bordo, de 4 de setembro de 1879. O enredo trata do casamento feliz de Marcos Vaz de Lacerda, comandante de navio, e de Raquel. O principal em sua vida é o amor por Raquel. Não tem medo de mostrar seus sentimentos. Raquel e eu te [...]


    2. This book was very good and also quite empowering. It follows Marcos and Raquel as well as their very big and complicated family. The story takes place in Madeira, my hometown, which made the book even more interesting for me, and in the British Guiana in the end of the 19th century. The book focuses especially in the women of the family and the women the members of the family know and meet. These are not regular women, however, these are women who fought for themselves and for their rights and [...]


    3. Breve saga familiare con squisita ambientazione ottocentesca, nell'isola di Madera tratteggiata con mano impressionista. I personaggi, le cui vicende familiari si intersecano nel corso delle generazioni, sono davvero belli: sia maschili che femminili, romantici ma molto ben costruiti. Finale leggermente precipitoso: forse Clara, Carlota e la stessa voce narrante meritavano un poco di approfondimento in più per concludere la storia della famiglia.


    4. História passada no Funchal, desde 1880 até 1904 ou perto disso, com certos episódios de atualidade, mas que acabam por se não perceber bem ou pelo menos não são explorados.O clima do livro dá ideia serem memórias ou recordações familiares nuclearmente uma família aristocrática os Vaz de lacerda cruzados com os Villa (vindos da Ilha de Malta) a maior parte deles médicos, em que a figuras centrais acabam por ser Marcos, um médico que volta e meia vai em comissões de serviço para [...]


    5. Uma história de amor que perdura no tempo e que serve de pretexto para o testemunho de várias mulheres sobre a sociedade do seu tempo, em particular, com a sociedade do Funchal do final do século XIX.Ao longo do livro vamos observando uma família funchalense, pelos olhos de alguns dos seus membros, principalmente os de sexo feminino, revelando-nos os seus medos, anseios e esperanças.Uma narrativa refrescante, uma história tocante.


    6. Gostei da minha estreia no mundo das letras desta autora. Gostei da sua suavidade, que me aconchegou nestes dias invernosos e me manteve relaxada e bem comigo mesma. Quero voltar. Quero experimentar outra vez. Porque Helena Marques cumpriu e isso é o melhor.Para ver opinião completa visita:osabordosmeuslivros.p


    7. É sempre um prazer ser transportada para o meio desta história que ja li e reli várias vezes transporta-me ao Funchal, às ruas, aos barcos no cais aos amores e desamores de uma sociedade que não conheci Passo pelas folhas deste romance sem conseguir deixar de apaixonar-me pelas personagens. Pelo mito de Raquel pelo amor de Marcos, incondicional e infinito


    8. Λίγο περίεργο βιβλίο. Σαν να μην συνδέονται άμεσα τα διάφορα τμήματα. Έντονη σκιαγράφηση προσώπων και χαρακτήρων με βασικό ήρωα τον Μάρκο. Μικρό και συνοπτικό χωρίς όμως κάτι ιδιαίτερο για εμένα. Αλλά ας μην το αδικήσω, δεν είναι του γούστου μου τέτοια βιβλία. Κάτι σαν συγγρ [...]





    Leave a Comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *